Prefeito eleito de Caldas Novas, Kleber Marra [RP] se posiciona em suas redes sociais sobre o suposto crime de injúria racial cometido no municipio

Política / 1813

Prefeito eleito de Caldas Novas, Kleber Marra [RP] se posiciona em suas redes sociais sobre o suposto crime de injúria racial cometido por um treinador da equipe adversária em um campeonato infantil de futebol realizado no município.
 
Confira a íntegra da nota:
 
-
Jogo sim, preconceito não!
 
É completamente inaceitável a atitude de um técnico de futebol que, no decorrer de uma partida em Caldas Novas, gritou palavras ofensivas direcionadas a um menino de apenas 11 anos que estava jogando no time adversário.
 
A injúria racial é crime e a pessoa que praticar esse ato grotesco deve receber as devidas punições para que não mais tenha essas atitudes inaceitáveis em qualquer situação.
 
Manifestamos a nossa solidariedade ao garoto que sofreu essa violência e estamos acompanhando o caso para que esse tipo de acontecimento não seja tolerável e a pessoa receba as consequências adequadas para este comportamento lastimável.
 
A nossa luta continua por mais igualdade, solidariedade, respeito e amor ao próximo!
 
Kleber Marra - Prefeito eleito de Caldas Novas
 
 
---
 
| Entenda o caso:
 
Menino de 11 anos é vítima de racismo em jogo de futebol no interior de Goiás
 
Um menino de 11 anos, jogador do Uberlândia Academy, aparece chorando em um vídeo no qual relata ter sofrido ofensas de cunho racista, na 4ª feira (16.dez.2020), durante um jogo de futebol da Caldas Cup, competição realizada em Caldas Novas, Goiás.
 
Segundo a criança, o treinador da equipe adversária "Set Esporte", Lázaro Caiana, se referiu a ele como “preto” durante o jogo. “Ele falava assim toda hora: ‘Fecha o preto, fecha o preto, fecha o preto aí’. Eu guardei para falar no final. Ele falou um monte de vezes”, disse, no vídeo.
 
Acusado diz que situação não aconteceu.